Sou MEI. Posso emitir boleto?

In Empreendedorismo, MEI by Boleto Fácil3 Comments

Por um lado, ser um MEI (Microempreendedor Individual) traz isenções e processos mais simplificados –  como isenção de tributos, menor valor de contribuição e direito a benefícios. Mas, ao mesmo tempo, existem atividades permitidas apenas a empresas de médio e grande porte. Com isso, a cabeça dos empresários fica repleta de perguntas sobre a gestão, formas de pagamento e transações financeiras que podem realizar. A dúvida mais frequente é se um MEI pode emitir boletos.

Pode ficar tranquilo: quem trabalha nessa modalidade pode fazer a emissão de boletos, sim! Mas é preciso estar atento às regras do processo.

Como é emitido o boleto?

Um MEI pode emitir boletos registrados e sem registro bancário. Este último, porém, traz pouca segurança ao seu negócio e ao cliente, já que não fornece os dados de quem está pagando e recebendo. A previsão é que, até o final de 2016, a  Febraban (Federação Brasileira dos Bancos) acabe com esse formato.

Os empreendimentos, então, vão precisar adotar o boleto registrado. Nesse formato, antes de gerar um documento, é preciso habilitar o serviço no banco responsável pela sua conta corrente — onde o dinheiro será depositado depois do pagamento.

Depois de ter a funcionalidade liberada, você pode emitir um documento com a Razão social, CNPJ, valores, datas, informações sobre juros, multa e dados de quem pagará a conta.

Posso emitir boletos sem estar associado ao banco?

Pode sim! Para diminuir as taxas e ter um serviço com mais facilidades, você pode utilizar a plataforma de emissão do Boleto Bancário. Sua empresa pode optar pelo Boleto Fácil, que permite a geração de boletos diretamente para o cliente e coloca o valor pago na sua conta.